SEHA - Notícias - Pesquisa aponta Curitiba entre os destinos de negócios mais buscados do Brasil
logotipo
seja socio do sindicato
contribuição online
Acesse a contribução on-line

Notícias

  • 14/06/2019

    Pesquisa aponta Curitiba entre os destinos de negócios mais buscados do Brasil

    Pesquisa aponta Curitiba entre os destinos de negócios mais buscados do Brasil

    Curitiba é a terceira cidade brasileira mais buscada por estrangeiros para turismo de negócios. O dado foi divulgado em uma pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo e a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). Em primeiro lugar está São Paulo, seguida pelo Rio de Janeiro.


    Em 2018, Porto Alegre ficava na frente da capital paranaense – e agora assumiu a quarta colocação. De acordo com o estudo, 95,9% dos visitantes para negócios chegam a Curitiba por via aérea, enquanto apenas 4,1% chegam por vias terrestres.


    Para a presidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiane Turra, os números são um reconhecimento do trabalho feito. “Temos várias ações para impulsionar o turismo de negócios e eventos e os números revelam que estamos no caminho certo”, comenta.


    A cidade

    Entre as características que colocaram a capital paranaense no pódio estão a excelente infraestrutura para eventos, com disponibilidade de espaços para até sete mil pessoas, hotelaria com 20 mil leitos, além de uma extensa e variada oferta gastronômica, atrativos turísticos e incentivo fiscal para atrair novos parceiros.


    Outros dados

    A pesquisa revelou ainda que a maioria dos turistas vem da América do Sul (61,2%), seguido pelos europeus (22,1%) e norte-americanos (10,4%). O perfil dos latino-americanos também é diferente: passam menos dias e gastam menos.


    Os dados comprovaram também a satisfação dos turistas: 87,7% dos entrevistados afirmaram que a experiência no Brasil superou ou atendeu as expectativas. A hospitalidade (97,9%) ainda teve uma avaliação melhor que alojamento (96,7%), gastronomia (95,9%) e restaurantes (95,8%).


    Clique aqui e leia mais sobre o comportamento do viajante corporativo.

    Abrasel-PR