SEHA - Notícias - Ópera de Arame recebe projeto inédito no país
logotipo
seja socio do sindicato
contribuição online
Acesse a contribução on-line

Notícias

  • 26/09/2018

    Ópera de Arame recebe projeto inédito no país

    Ópera de Arame recebe projeto inédito no país
    Foto: Guilherme Nery

    Com apresentação do Bradesco e realização da Futura Fonte em parceria com a DC Set Eventos, Curitiba recebe o Vale da Música, um projeto inédito no país que mudará o cotidiano da Ópera de Arame. Um palco flutuante e móvel no meio do lago da Ópera de Arame irá receber shows ao vivo de música instrumental, de terça a domingo, das 10h às 18h, a partir de 21 de setembro.


    “O Vale da Música é um projeto que destacará Curitiba no cenário cultural do país. Um grande intercâmbio artístico que envolverá músicos de alta qualidade, possibilitando ao público uma aproximação às várias vertentes da música instrumental. É um marco em um dos pontos mais visitados da cidade, que ganhará outro significado com o projeto”, conta Alan Eccel, sócio da empresa Futura Fonte.


    Mais de 800 shows durante um ano

    Com a proposta de democratizar a cultura e dar vida ao cenário musical da cidade, o Vale da Música terá quase 200 horas mensais de shows ao vivo. Com a curadoria musical de Victor Gabriel Castro, já são mais de 50 grupos selecionados para participar. Além de composições autorais, o Vale da Música também contará com mais de 150 releituras de grandes sucessos da história da música desenvolvidas exclusivamente para o projeto.


    Um novo cenário

    O palco flutuante é um dos destaques do Vale da Música. Com estrutura móvel desenvolvida exclusivamente para o projeto e arquitetura que remete mais a uma escultura, o palco será visível de várias partes da Ópera de Arame, centralizado a seis metros para dentro do lago. Desenvolvido pelo arquiteto Felipe Guerra, a inspiração veio da própria arquitetura do teatro, sem interferir na composição do todo.


    O palco móvel e flutuante possui 6 x 4 metros e terá um sistema de sonorização para que a música harmonize todo o ambiente. Além disso, uma iluminação especial foi criada para o palco, que o tornará uma escultura de luz em meio ao lago ao entardecer.


    Para fazer parte dessa experiência cultural, o público contribuirá com o valor de R$ 10 inteira e R$ 5 a meia-entrada. Moradores de Curitiba podem aproveitar o evento com a tarifa promocional de meia-entrada.


    Fonte: https://www.mundolivrefm.com.br/opera-de-arame-recebera-vale-da-musica-projeto-inedito-no-pais/